Basílica de San Lorenzo + Capela Medicea

Basílica de San Lorenzo + Capela Medicea

A Basília de San Lorenzo era a Igreja preferida da Familia Medici, os Senhores de Florença que governaram a cidade por mais de 3 séculos.

No interior da Basíca encontramos diversas obras de artes de Donatello, Verrocchio, Bronzino, Rosso Fiorentino, entre outros, além da arquitetura de Brunelleschi, considerado o pai da arquitetura renascentista.

A Basílica de San Lorenzo, juntamente com a Capela Medicea é o "Panteão" dos Medici - ao seu interno encontraremos as tumbas de quase todos os membros da famosa familia fiorentina.

As Capelas Medicea

Trata-se de um memorial destinado a hospedar os restos mortais da família que reinou em Florença por mais de três séculos. As Capelas Mediceas são constituídas da Capela dos Príncipes, a Sacristia Nova e a Cripta.

A visita se inicia entrando na espaçosa cripta que foi construída em 1508 de acordo com o projeto do arquiteto Buontalenti. É nessa grande cripta que se encontra os restos mortais de muitos membros da família Medici e da família Lorena, que com a extinção da família Medici, foram os sucessores ao trono da Toscana.

Através de uma escada a direita, se acessa a famosa Cappella dei Principi que é um ambiente grande, ricamente decorado pelo Opificio delle Pietra dure e que hospeda os monumentos daqueles que foram os Príncipes de Florença, ou seja, os "Granduchi di Toscana".

A Sacristia Nova, assim chamada para diferenciá-la da Sacristia Vecchia (Velha) feita pelo arquiteto Brunelleschi (o mesmo que contruíu a famosa cupola da catedral de Florença), foi desenhada e projetada por Michelangelo Buonarrotti.