Palazzo Vecchio: Arte & Política

10.11.2017

O Palazzo Vecchio em Florença é um edifício complexo, construído em 1299 e durante séculos foi objeto de diversas ampliações. O Palazzo Vecchio sempre manteve a sua função original de sede politíca e administrativa e acima de tudo, o símbolo da cidade.

Hoje, o Palazzo representa um dos museus mais importantes de Florença e infelizmente nem todo mundo sabe disso. Muitos turistas e até fiorentinos, pensam que o edifício é somente sede administrativa da cidade e nunca fizeram uma visita ao museu, local onde encontramos obras primas de Vasari, de Michelangelo, Bronzino, Ghirlandaio, Donatello, entre outros.

O Palazzo Vecchio não é só um museu, é um lugar que pelo seu significado simbólico continua sendo utilizado e vivido na arquitetura, na pintura, nas obras que ali se encontram que se confundem com a história de Florença.

Construído no final do século XIII para hospedar o Governo da Cidade, o Palazzo foi transformado em Palazzo Ducale em meados de 1500 e mais tarde foi chamado de "Vecchio" (velho) após o transferimento da familia Medici para o Palazzo Pitti.

Na época dos Lorenas, o Palazzo è a sede da Magistratura e depois da unificaç da Italia no final do século XIX o Palazzo se transformou na sede do Parlamento Italiano. Somente no ano de 1872, o Palazzo se tornou a sede administrativa da cidade.

A visita no Museu do Palazzo Vecchio é composta de ambientes enormes ou muito pequenos: o Quartieri de Leone X, Quartieri degli Elementi, Quartieri di Eleonora, Salone dei Cinquecento, Sala dell' Udienza, Sala dei Gigli, Sala delle carte geografiche, caracterizados pela riqueza material e histórica. O percurso consente de refazer as etapas principais da história de Florença, através dos traços que foram deixados na estrutura arquitetônica e na decoração do Palazzo.